A tecnologia vai nos salvar?

Salve-se quem puder

"O progresso não é uma ilusão. Ele acontece, mas de forma lenta. E, invariavelmente, termina nos desapontando." George Orwell

É impossível não ficar fascinado com tanta aparelhagem: máquinas de lavar e secar computadorizadas, robôs fazendo cirurgias e auxiliando médicos com diagnósticos mais precisos, arquivos virtuais com capacidade para detonar aquela ilimitada e vergonhosa quantidade de papéis empoeirados e cheios de fungos... E nas ciências então?! Computadores que desvendam o DNA de seres vivos com muito mais rapidez e menos custos, microscópios capazes de, e finalmente, mostrar um átomo, impulsionando a nanotecnologia, estimulando a possibilidade de manipular átomos e moléculas, como um pedreiro manipula tijolos.


Símbolos da sabedoria (1)

A coruja & a sabedoria

"O verdadeiro conhecimento vem de dentro." Sócrates
A coruja é para muitos uma figura sinistra, para outros símbolo da sorte. No entanto, quem já teve oportunidade de ver este bichinho de perto, sabe e sentiu que antes de qualquer coisa é uma figura misteriosa que parece nos observar do alto dos galhos e meditar sobre o nosso comportamento, permane- cendo tempos infinitos no mesmo local.

Desde muito tempo a coruja é tida como um dos símbolos da sabedoria. Já na Grécia antiga a ave estava presente nas imagens dos deuses gregos, como a da deusa Atenéia, deusa ligada à sabedoria. Mas a explicação mais aceitável e lógica pode estar na sua própria natureza. A Coruja é uma ave de hábitos diferentes das outras aves, pois quando todas as outras estão migrando ou voltando para o ninho no final do dia, a coruja sai para fazer um vôo panorâmico sobre toda a sua região para saber o que lhe restou daquele dia. São animais com hipermetropia, porém, em distâncias maiores, sua visão é perfeita, principalmente com pouca luz, não é à toa que ela possui imensos olhos redondos, e sua cabeça é capaz de girar 180° para cada lado, ou seja,
a coruja vê o que outros animais não conseguem ver. Mas qual a relação com a filosofia? A filosofia, por analogia, realiza faculdades “idênticas” às da coruja. A Filosofia “sobrevoa” todas as realidades que cercam o homem, sem se acomodar na “volta para casa”, na vidinha besta, indo além, enxergando o que “restou do dia”. Desta forma o Filósofo é chamado a alçar vôo no seu pensamento. Ele corresponde ao chamado, isola-se para meditar, aguçando os sentidos, iluminando a obscuridade da compreensão humana, estendendo sua visão para 360°.

A autora J.K. Rowling usou a coruja nas aven- turas de Harry Potter, pela ligação da ave também com a bruxaria, sendo um símbolo de muitas seitas. Os entendidos explicam essa ligação dúbia: por conhecer o mundo da luz e das trevas, a coruja transmite o conhecimento de um para o outro. (Símbolos da sabedoria 2)

Fontes: "O Coruja"
"Canção Nova cn"
"O Amante da filosofia"

Quem somos nós

De onde viemos para onde vamos


Acredito que nascemos já com a personalidade pré moldada, indivíduos com um reservatório de vidas e experiências acumuladas, chegando ao mundo com um novo roteiro, ou velho, ou remodelado. Se esse projeto está registrado no código genético, no cérebro ou na alma não sei. Posso apenas observar a pulsão inconsciente e inexplicável impelindo a ações repentinas e impensadas.

Related Posts with Thumbnails